DEU RUIM! Veja artistas que abandonaram gravação do novo disco de Sérgio Reis após sertanejo atacar STF

A Polícia Federal cumpriu 13 mandados de busca e apreensão, na última sexta-feira (20), em operação que tinha entre os alvos o cantor Sérgio Reis. Os mandados foram expedidos pelo ministro Alexandre de Moraes, a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), no âmbito das investigações sobre ataques a instituições.

Repúdio de artistas e desistências 
O cantor Sérgio Reis está finalizando o seu próximo álbum e iria contar com a participação de alguns artistas. O lançamento estava previsto para o segundo semestre deste ano. Diante da repercussão do caso, ao menos quatro cantores já desistiram da parceria.

O cantor Guarabyra, famoso pela dupla com Sá, foi o primeiro ao anunciar o cancelamento da sua participação no disco de Sérgio Reis, anunciando a desistência de gravar Sobradinho.

 

Já o cantor e compositor Guilherme Arantes, inicialmente, afirmou que iria dissociar o artista do “terreno extramusical”, mas mudou de posição e desautorizou Sérgio Reis de a incluir a sua participa no disco. Os dois gravaram a canção Planeta Água, composição de Guilherme Arantes.

A cantora Maria Rita também informou, por meio da assessoria de imprensa, que se retirou do álbum. Ela participaria em regravação de Romaria. Quem também abandonou o trabalho do sertanejo foi Zé Ramalho. Em comunicado, ele anunciou que proíbe o cantor Sérgio Reis de usar no álbum a gravação de Admirável gado novo (Zé Ramalho, 1979) feita por Reis em dueto com Ramalho em maio de 2019. “Agora em 2021, a gravação perdeu o sentido e tanto o compositor quanto sua editora não autorizarão a utilização da obra”, informou o artista paraibano em nota oficial.

 

Fonte: radiojornal.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp