Em visita à Paraíba, ministro diz que vetou material didático sobre gênero e defende Bolsonaro: “podem acusá-lo de tudo, menos de ser corrupto”

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, participou de uma Aula Magna na Universidade Federal da Paraíba, na tarde desta segunda-feira (26). Ele esteve na UFPB para a aula, visita ao Campus I, em João Pessoa, e para uma reunião com o reitor Valdiney Gouveia. Na agenda ministerial na Paraíba, o ministro ainda tem agendada reunião no Palácio da Redenção com o governador João Azevêdo

Milton Ribeiro relatou que o Governo Federal está empenhado em investir na educação e lembrou o convite feito pelo presidente Jair Bolsonaro para que ele assumisse a pasta da Educação em substituição ao ex-ministro Abraham Weintraub. “Sei que eu não sou o maior conhecedor da educação do Brasil. Mas o que há em mim é uma experiência de quase 14 anos atrás de uma grande universidade particular, que é a Mackenzie”, declarou ele.

O ministro brincou que já esteve na Paraíba e aprendeu o que é ‘meiota’, dose de bebida alcoólica. “Os pescadores na praia de Tambaú pedindo para eu pagar uma ‘meiota’ para eles e eu respondendo ‘é claro’. Sem saber o que era ‘meiota’, afinal pastor não paga bebida para ninguém”, narrou ele lembrando a passagem pela Paraíba, em passeio turístico com a família, que incluiu um momento de pesca.

Milton Ribeiro defendeu o presidente Jair Bolsonaro, dizendo que podem acusá-lo de tudo, menos de ser corrupto. A fala se deu quando o ministro fez acusações sobre desvios de recursos na Educação do país.

O ministro Milton Ribeiro também repudiou o ensino de questões de gênero e alegou que vetou inclusão de material didático voltado ao esclarecimento sobre gênero para crianças de seis a nove anos, alegando que querem ensinar que a criança pode ser o que quiser: homem ou mulher. Alegou que respeitava todos os gêneros, mas que seria radical nesse sentido.

Milton Ribeiro também fez um panorama sobre a educação, mostrando que é o terceiro maior orçamento da União e que administra diversos hospitais, através da rede de hospitais universitários.

Participaram da aula magna o ministro Milton Ribeiro, o reitor Valdiney Gouveia e o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena.

clickpb

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp