Hotel Tambaú: advogado paraibano Rui Galdino é declarado vencedor de leilão pela Justiça do Rio de Janeiro

O advogado paraibano Rui Galdino foi reconhecido nesta quarta-feira (18) como arrematante do leilão do Hotel Tambaú, em João Pessoa, pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ). A decisão monocrática da desembargadora Marília de Castro Neves Vieira acolheu os argumentos apresentados por Rui de que o advogado foi impedido de dar lance vencedor no leilão realizado em outubro de 2020.

Na ocasião, o hotel foi vendido por R$ 40,6 milhões ao Grupo Arnaldo Gaspar, do Rio Grande do Norte. Os advogados de Rui, no entanto, narram que ele havia dado o lance de R$ 40,4 milhões, até então o maior, quando surgiu na tela um lance de R$ 40,6 milhões, que desapareceu logo em seguida. Ele então telefonou para o leiloeiro, que teria respondido que o lance nunca existiu.

Ainda assim, Rui Galdino decidiu dar um lance de R$ 41 milhões, o que resolveria qualquer dúvida, mas alega que, segundos antes do prazo final do leilão, o sistema não permitiu o envio da proposta. O lance vencedor, de R$ 40,6 milhões, apareceu como tendo sido dado às 14h04, o que seria fora do prazo, já que o leilão se encerrava às 14h.

A defesa do empresário, então, pediu que fosse declarada a nulidade do lance formulado após o encerramento do horário do leilão, declarando assim Rui Galdino o arrematante do hotel, tendo  em vista que até o horário final do leilão o seu lance era o maior.

clickpb

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp