Secretaria de Saúde estuda processar pessoa que divulgou áudio falso sobre suposta falta de oxigênio em hospital

O diretor do Hospital Regional de Cajazeiras, Manuel Telamon, informou ao ClickPB que já sabe quem divulgou o áudio com a informação falta de que faltaria oxigênio no hospital. Trata-se de um fornecedor de oxigênio local.

Manuel Telamon afirmou que não sabe o motivo que levou o empresário a divulgar o áudio, mas que o mesmo já teria dito em outro áudio que estava sob muita pressão.

Segundo ele, os áudios foram encaminhados ao setor jurídico da Secretaria de Estado de Saúde (SES), assim como a identificação do autor, para que seja estudado como agir.

A diretoria do hospital divulgou nota, por meio da SES, informando que a unidade possui duas usinas de oxigênio em funcionamento, e uma terceira em construção. Além disso, o hospital possui 13 torpedos de oxigênio e deve receber mais 40 ainda nesta quinta-feira (11). Os torpedos são usados no caso de haver falha nas usinas.

ClickPb

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp